Ler Dostoiévski é senti-lo enfiar as mãos no peito e revolver toda a engrenagem da vida. É perceber o fluxo sangüíneo tenso, acelerado, procurando uma saída. Quando nada mais faz sentido, mastigo suas páginas para anestesiar a vida. Enquanto suas palavras fazem efeito, uma energia pulsa novamente, trazendo a essência das coisas. Removendo a inflamação que é o estresse e a solidão. Se meu castelo de areia desmonta, é, também, dele que vem as forças para que eu o reconstrua. Fiódor Mikhailovich Dostoiévski, nasceu em 11 de novembro de 1821, em São Petersburgo e morreu em 9 de fevereiro de 1881.


"O sofrimento acompanha sempre uma inteligência elevada e um coração profundo. Os homens verdadeiramente grandes devem, parece-me, experimentar uma grande tristeza."

Em: Crime e Castigo


"Quanto mais gosto da humanidade em geral, menos aprecio as pessoas em particular, como indivíduos."

Em: Os Irmãos Karamazov


"O resultado direto da consciência é a inércia – isto é, o ato de ficar conscientemente sentado de braços cruzados."

Em: Memórias do Subsolo


"...Em toda a minha vida, não pude começar nem acabar coisa alguma. Admitamos, admitamos que eu seja um tagarela, um tagarela inofensivo, magoado, como todos nós. Mas que fazer, se a destinação única de todo o homem inteligente é apenas a tagarelice, uma intencional e vazia tagarelice."

Em: Memórias do Subsolo


"Oh, se eu não fizesse nada unicamente por preguiça! Meu Deus, como eu me respeitaria então! Respeitar-me-ia justamente porque teria a capacidade de possuir em mim ao menos a preguiça; haveria, pelo menos, uma propriedade como que positiva, e da qual eu estaria certo. Pergunta: quem é? Resposta: um preguiçoso. Seria muito agradável ouvir isto a meu respeito. Significaria que fui definido positivamente; haveria o que dizer de mim. "Preguiçoso!" realmente é um título e uma nomeação, é uma carreira. Não brinqueis, é assim mesmo. Seria então, de direito, membro do primeiro dos clubes, e ocupar-me-ia apenas em me respeitar incessantemente."

Em: Memórias do Subsolo


"...Há pessoas de alma sensível, mas que vivem como esmagadas."

Em: Os Irmãos Karamazov "



...Querem escravizar a humanidade e matar gente para, no fim da História, tornar feliz a gente. Mas é lícito matar gente?."

Em: Crime e Castigo

Comentários

Eu tenho uma livraria virtual que talvez te interesse. A livraria chama-se 30PorCento e oferece 30% de desconto em TODOS os livros que vende, inclusive a coleção Dostoiévski, da Editora 34. O endereço é www.30porcento.com.br . Dá uma olhada.

Postagens mais visitadas