Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2011
Vida, essa senhora espertinha que adora pregar peças e se ri toda das nossas trapalhadas. Consciência nova se abrindo; é como se o céu se abrisse depois da tempestade e fosse fácil assim enxergar tudo ao redor. Nem por isso as mazelas somem, mas fica mais tranquilo lidar com a vida. Menos urgente, menos sufocante. Parar, observar, respirar. Equilibrar as emoções, os sentimentos. Se isentar de julgamentos. Tão difícil e inexorável... Vejo que não poderia ter escolhido profissão melhor. Exercitar na vida e no ofício a arte da imparcialidade e buscar atingir o mais próximo disso, já que é impossível alcançar o 100%. Distanciar para aproximar. Silenciar para ouvir, ver e entender. Auscultar o Eu. Gratidão!