"A vida vem em ondas como um mar". Esta é a verdade de cada dia. A que devemos enfrentar crua e sinceramente com nós mesmos. Nesse "indo e vindo infinito", reparei que não adianta brigar consigo e fechar os olhos, porque ao abri-los, a onda pode nos tragar. Eu digo apenas que posso. Posso tudo que quiser e isso já me provei tantas vezes... Não há nada mais intrigante, assustador e delicioso que se superar. Superar os medos e as limitações. Eu ultrapasso a linha de chegada, atravesso os mares tempestuosos, encaro quem me desafia e me levanto, ainda que por medo ou por qualquer outro sentimento preferisse me encolher. Eu me supero e isso me agrada. O nebuloso me instiga, o desafiador, aquilo que desconheço. E é tão bom, depois de momentos pavorosos, olhar para trás e sentir-se vencedor.

Comentários

Postagens mais visitadas